quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

ARDENTE

(Amanda Cristina)

Arranca minha roupa

Diz que sou tua
Deseje-me loucamente
Me deixa nua

Morda-me devagar
vai... lambe minha pele
Tece minha silhueta
Me tenha por inteira






Nenhum comentário:

Postar um comentário