quinta-feira, 31 de outubro de 2013

A BAILARINA II

(Amanda Cristina)



Ilusionismo e esperança
Assim vejo a tua dança
Ritmada em cântico profundo
Eleva minh'alma e me transmuda
Em perfeito compasso deslizo
Feito bailarina não sei onde piso
Apenas sinto...

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

DESENHO DO AMOR

(Amanda Cristina)

Em teu rosto
Desenho o meu amor
Revelando em meu sorriso
Tua paixão sem pudor




sexta-feira, 25 de outubro de 2013

terça-feira, 22 de outubro de 2013

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

terça-feira, 15 de outubro de 2013

SONHAR

(Amanda Cristina)




Sonhar é esperar acontecer
Renascer em seus pensamentos
Acreditar que é possível
Ter força face as conturbações
Encontrar luz na própria esperança

Sonhar é não temer
Não fugir de si mesmo
Enfrentar a vida
Atestar vitórias

Sonhar é encontrar-se em seu mundo
Viajar na própria sorte
Sem temer o que virá

Sonhar é comprovar a todo momento
A própria existência
Ser feliz na crença
A tudo que se pensa

Sonhar é desafiar-se constantemente
Dialogar com possibilidades
Entrar em descompasso
A cada passo dado

Sonhar é ter a certeza
Mesmo sem ter certeza
É afirmar
Jamais negar
É estar acordado a pensar
E apenas sonhar...

sexta-feira, 11 de outubro de 2013

NASCIMENTO

(Amanda Cristina)

O nascimento É o renascimento do mundo É a porta de entrada Para dentro de si É tentar compreender O porquê de tudo O que é tudo... Ressurgir nas próprias perguntas E se encantar nas pequenas coisas...

terça-feira, 8 de outubro de 2013

ESTE MEU CORAÇÃO

(Amanda Cristina)




Este meu coração dança na chuva
Alma solitária
Perdida no tempo
Palpitando vagarosamente 
Canta ternura
Acredita em si
E se envaidece em candura

Este meu coração
Não sossega
É como vento, sem destino
Consola-se apenas em saber que é amado
Mesmo quando desprezado...

Este meu coração
É vida!
Sente bater à sua porta
A danada solidão
Mas consegue com seu cativante sorriso
Dispersar esta intrusa
E adentrar o seu melhor amigo
Chamado amor

Este meu coração
É sem limites
Eterno dançarino
Cantor de poesias
Romântico descuidado
Este meu coração
Sou eu...

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

"A arte da vida, é testemunhar diariamente a sua eterna pluralidade, 'O TODO'". (Amanda Cristina Souza)



quinta-feira, 3 de outubro de 2013

SER PROFANO

(Amanda Cristina)



Areia
Brisa
Mar
Meu corpo em paixão
É teu suor

Em raios confusos
Te vejo
Sinto tua pele
Acariciando a minha

Em tarde quente
O abraço apertado
Desperta desejos

Sol
Paixão
Você

Suave como o vento
Perfeito como o dia
Minha vida